Novo golpe que circula no WhatsApp é site falso que promete consulta a dinheiro esquecido em bancos

 In Artigos, Notícias Selecionadas

Circulam nas redes sociais e aplicativos de mensagens, links e informações que prometem consultar e até sacar via pix valores disponíveis em bancos. O Banco Central lançou uma ferramenta que permite o resgate de valores esquecidos em instituições financeiras. No entanto, a ferramenta não suportou a quantidade de acessos e foi tirada do ar pelo BC e deve ficar disponível apenas depois do dia 14 de fevereiro.

Usando elementos visuais e termos como “registrato” no nome do domínio, golpistas aproveitam a tendência de interesse pelo tema para tentar atrair usuários para sites falsos, que podem infectar o seu dispositivo com um vírus, malwares, roubar dados e até convencer a vítima a enviar dinheiro. Parte da mensagem que leva para o site falso diz: “Consulte agora se você tem algum valor a receber! Saque instântaneo via pix, mais de 7 milhões de brasileiros já consultaram e sacaram!”.

Algo que é comum nesses sites é o tempo de existência, sites que foram criados recentemente e possuem em média 10 dias de vida. Para Alessandro Fontes, co-fundador do Site Confiável, esses endereços eletrônicos são descartáveis, pois com pouco tempo são catalogados em listas de empresas de segurança ou denunciados nas empresas de hospedagens.

A partir disso os navegadores começam a emitir alertas de risco aos usuários, quando tentam acessar o site. Por isso os criminosos mudam o domínio ou nome do site para continuar a prática.

Fontes alerta para o cuidado com os gatilhos mentais, que são peças-chave em ataques de engenharia social.

— Se recebeu uma mensagem, que deixou curioso, com senso de urgência, com uma percepção de vantagem exclusiva… pare, pense e pesquise sobre o que acabaram de enviar em seu WhatsApp. Pode ser um golpe — adverte.

Dicas para deixar o WhatsApp mais seguro

Jamais compartilhe seu código de segurança: o código de segurança, que geralmente é encaminhado via SMS para o número de celular, é a principal forma de ativar o WhatsApp em um outro dispositivo.

Ative a verificação em duas etapas: está é mais uma camada de segurança, onde o golpista, mesmo com seu código de segurança, não conseguiria ativar o WhatsApp em novo dispositivo. Isso pode ser feito nas configurações do aplicativo.

Proteja seus dados pessoais: permita que apenas seus contatos tenham acesso a foto do perfil. O ajuste pode ser feito nas configurações (Configurações > Conta > Privacidade).

Desconfie de pessoas pedindo dinheiro ou doações: algum contato pediu para depositar dinheiro? Desconfie e tente ligar ou falar com a pessoa pessoalmente para confirmar a informação.

Não seja curioso: te encaminharam uma corrente pelo aplicativo cujo texto provocou curiosidade? Tenha cautela, pesquise no Google sobre a notícia e evite clicar em links encaminhados.

Coloque senha no seu smartphone: para o caso de perda do smartphone é importante ter uma forma de bloqueio para proteger os dados.

Não clique em qualquer link: recebeu um link de atualização cadastral bancária, promoção, sorteio, acesso a benefício, vacina e até pesquisa? Cuidado, pode ser um golpe.

Ficou em dúvida? Pesquise no Google: a plataforma pode ajudar a identificar golpes, que já possam estar circulando a certo tempo. Através de notícias e sites que estejam falando do assunto. Se ficou na dúvida. Pesquise.

Mantenha seu WhatsApp atualizado: é importante atualizar a versão do seu aplicativo, para que tenha acesso a correções de vulnerabilidades e brechas, que foram corrigidas pela empresa.

Extra Globo

Start typing and press Enter to search